Um carta aberta à Deus

Sinto que vou acabar, morrer mesmo. Isso tudo porque não consigo me conectar durante muito tempo com você. É sempre uma conexão cheia de ruídos, problemas, sei lá… Fui para igreja ontem e tudo em que pensei foi: “O que estou fazendo aqui?!?!” O detalhe irônico é que eu gostei muito do período de louvor, fiquei emocionado mesmo. No momento da pregação ou ministração, eu poderia jurar que meu coração era totalmente seu. O que aconteceu passadas duas horas foi: escuridão, incertezas e falhas (pecados de estimação, aqueles que não consigo deixar de jeito nenhum). Estes pecados estão incrivelmente me distanciando de você, Deus.

Sei que seu filho cobre meus pecados, mas são tantos…Alguns nem foram confessados ainda. Convivo com a dura realidade de estar bem longe de Jesus: como se eu tivesse feito uma coisa horrível e meu irmão mais velho nem quissesse olhar pra mim. Deus, tenha misericórdia de mim. Fui tão longe quanto meu pecado deixou e agora, se olho para trás, não sei onde caí, não sei onde foi que eu errei. Tudo que o Senhor me deu parece estar fugindo das minhas mãos, talvez por que nunca tive e nunca terei o controle de nada.

Há ainda perdão para mim? Acho que já esgotei a reserva. Espírito Santo, ajuda-me nesta oração. Interceda ao Pai por mim. Tenho tentado, mas meus clamores parecem desaparecer quando tocam o teto da minha casa. Ajuda-me, Ajuda-me. Sinto-me sozinho. Não sinto mais tua presença, tua voz, teu abraço, tua repreensão… sem tua alegria, sem teu sorriso, sem ti….Estou sem ti, Jesus. Ajuda-me a encontrá-lo nesta absurda escuridão em que me encontro. Seja minha Luz, meu Caminho.

Obs. Oração realizada em 23 de janeiro de 2008. Lendo minhas antigas anotações, descobri que embora muitas frases desta prece possam ser, hoje, editadas. O conteúdo após 3 anos não se altera: ainda necessito da ajuda de Deus.

Anúncios

8 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Rodrigo
    mar 21, 2011 @ 16:21:51

    cada dia que passa precisamos muito mais do Pai…, e por mais que nossos “pecados de estimação” persistem em não nos deixar, não devemos nos deixar abater e ficar cabesbaixo por isso e sim pedir perdao e força a Deus

    Deus abençoe o autor

    Responder

  2. Laura
    mar 21, 2011 @ 21:21:19

    “pecados de estimação” ????? O que é isso:??? Imagino a cena em que cristãos domesticam seus pequenos demônios…como pode isso?

    Responder

  3. Rodrigo
    mar 22, 2011 @ 19:09:37

    simples, quando cometemos aquele pecado de todo dia ( todos somos pecadosres ) pensas que não tem??? examine o homem a si mesmo….

    Responder

    • Laura
      mar 23, 2011 @ 10:44:10

      eu não penso q não tenho pecados…apenas não concordo com o Abner q sugere existir demônios de estimação…e pergunto, como isso é possível? Quer dizer que quando peco é porque tenho um demonio nas minhas costas??/ E onde fica a responsabilidade humana, a escolha que fiz em pecar….

      Atenção: tudo pode ser, mas nem tudo é o diabo…
      Rodrigo, repense sua posição!!!

      Responder

  4. rodrigo
    mar 25, 2011 @ 18:37:26

    “(pecados de estimação, aqueles que não consigo deixar de jeito nenhum).” o que dizer de pecado de estimação, a vicios naturais nas pessoas e não quer dizer por ser pecado é o diabo, o pecado é do homem tambem, o homem é falho e pecador, nem tudo mesmo é o diabo o homem abre brechas a uma tentaçao, e o que acontece é que cada vez mais ele vai achando que aquele pecado não tem poblema nenhum, e por inconsequencia continua a pecar…

    estamos falando da natureza humana, um ser não perfeito sujeito a falhas…

    Responder

  5. Davi
    mar 30, 2011 @ 15:36:48

    Segundo o dicionário Aurélio:
    Estima- 1.Sentimento de importância,do valor,de alguém ou de algo;apreço.
    2.Amizade
    Não estou proclamando a literalidade, pois as palavras tem sentidos diversos em seus léxicos, porém convido vocês a refletirem… baseado nessa significação, será essa a relação que temos com nossos pecados? Importância? Valor? Amizade? Como então, poderíamos deixá-los? Pecados, são pecados, transgressões da lei… quando realmente quisermos deixá-los, seremos livres…

    Responder

  6. Bruno Faria
    abr 07, 2011 @ 00:45:38

    Não vou falar sobre teu erro ou te dar um palavra de anima…Tanto que este texto foi incrivel há muito tempo….EU TE ENTENDO…VC COMO EU É MAIS UM HUMANO NO PROCESSO…A vida com Deus é tão complexa como tentar montar uma canoa como macarrões(Minha Mãe sempre fala isso)KKKKK!!!Mais eu algo que vale a pena…Se não fosse essa Graça…Escandalosa Graça de Deus que vivemos todos os dias mais ainda nos embaralhamos em tenta-lá entender….Cara Demais….Vc é de Deus!!!Abração!!!

    Responder

  7. JONATHAN
    jun 14, 2011 @ 04:19:52

    Caros irmãos, não vamos olhar com olhos humanos, e sim com olhos espirituais… todos nós somos sim pecadores, e querendo ou não, todos os dias pecamos, com algo novo ou com vícios que nos insisti em perseguir…lutamos para largar esse tipo de pecado, e muitas vezes somos avaliados por
    DEUS, ate onde vai a nossa fé….DEUS entendeu a sua carta aflita querendo se libertar desse tipo de pecado a qual vc se confessou, não só pra ELE,como também para todos no momento em que essa carta foi postada, QUEM NÃO TEM PECADO QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA….

    POR MAIS QUE VC TENHA PROCURADO E NÃO TENHA ACHADO A RESPOSTA, NÃO DEIXE DE BUSCAR E HONRAR A DEUS POIS O NOSSO TEMPO É DIFERENTE DO TEMPO DE DEUS, QUANDO MENOS ESPERAR ELE TE TRARA A RESPOSTA….COM PECADO OU SEM PECADO SEJA FIEL A ELE QUE ELE TE RESPONDERÁ…..

    FIQUEM NA PAZ ……….

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: