Atitudes violentas e irresponsabilidade

“Eu sou do jeito que eu sol”, “Vou fazer o que eu quero”, “Você não pode me dizer o que fazer”. Embora essas frases sejam vistas com mais freqüência em adolescentes, muitos adultos assumem essa filosofia como se fossem verdades absolutas e conseqüentemente tornam-se escravos delas. Geralmente, essas pessoas não estão abertas ao diálogo, pois tem dentro de si verdadeiros “egos absolutos”: tudo e todos giram em torno de suas necessidades e desejos. Se alguém não se encaixa no papel de vassalo, é facilmente substituído por outro amigo, companheiro, pet. Ah! E como existem pessoas que se dão ao trabalho de servi-las… Atitudes violentas e irresponsabilidade traduzem o que existe de mais egocêntrico dentro de suas, pois emergem de um coração entorpecido pelo orgulho.

Penso ser mais fácil crescer com o outro. É na interação com o outro que eu me descubro. Eu não sei quem sou, quem me diz isso é o outro. O “conhece-te a ti mesmo” é tarefa mais difícil e que não percebo como algo a ser completado quando se atinge a maturidade, antes penso ser uma aventura para a vida, ou para isso que chamamos de vida. A irresponsabilidade do viver sem conseqüências de alguns tem origem no “carpe diem” que, em nossos dias nada tem a ver com o conceito original. Uma pena.

Carpe Diem é uma frase em latim de um poema de Horácio, e é popularmente traduzido para colha o dia ou aproveite o momento.

Anúncios

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. Trackback: Tweets that mention Atitudes violentas e irresponsabilidade « contraposição -- Topsy.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: