Velhas Verdades, novos horizontes

 

 

Uma de minhas decisões na ativação do “Contraposição” era compartilhar informações sobre um dos poucos artistas cristãos que reconheço como tendo um conteúdo relevante no contexto cada vez mais simplório da música cristã tupiniquim: Eduardo Mano. Meu sentimento quando ouço suas músicas é: “Como podem não ter “descoberto” esse cara ainda? Digo isso no sentido de distribuição nacional e alcance de outros nichos que não a web e seus desdobramentos.

Embora não o conheça pessoalmente minha identificação com seu universo deve-se ao fato de que seu alcance vai além da experiência místico-auditiva, gera reflexão!   Impossível ouvir uma música como Quartos Vagos e não identificar a insistência do artista em fugir da mesmice das letras cristãs: “Há muitos quartos vagos / Todos têm onde ficar / O preço da hospedagem / Já foi pago para nós”. Esse é apenas um trecho de uma das canções do repertório de Velhas Verdades, seu mais novo CD que conta com a participação da banda Tapetes Voadores.

Velhas Verdades foi disponibilizado para download gratuito em seu site e, para aqueles que não se contentam apenas com o arquivo digital, há a possibilidade de adquirir a versão física. Posso afirmar que a surpresa é interessantíssima para quem gosta de acompanhar o processo de criação de um artista.

Ao descobrir o arsenal desse artista o ouvinte perceberá que a velha máxima “menos é mais” é totalmente verdadeira. Velhas verdades, novos horizontes!

 

Site Oficial: www.eduardomano.net

Anúncios

9 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Felipe
    jan 26, 2011 @ 09:15:50

    Eu já conheço o trabalho do Mano há um bom tempo…valeu o release!

    Responder

  2. rebeca_on1284
    jan 26, 2011 @ 09:36:39

    Deu uma vontadi di ouvir

    Responder

  3. o_o_odoido
    jan 26, 2011 @ 10:27:46

    vo baixa

    Responder

  4. Gaby Rodrigues
    jan 26, 2011 @ 11:12:42

    Abner…. Muito bom! Eu, particularmente, ouvi a música “Outono” e gostei bastante… O cara é bom msm! Mas, como a coisa toda gira em torno do que pode ser vendido ou não, o cara, infelizmente, fisicamente, não se encaixa nos padrões do “Vendível” (nem sei se essa palavra existe)… O que é uma pena… Pois, artistas de talento não poderiam ficar no anonimato, sendo tão bons assim! Esse é o nosso país!
    Bjoooo

    Responder

  5. aLocKa_dPedra
    jan 26, 2011 @ 11:43:51

    Axei tão morninho…#fail

    Responder

  6. Sebastian Nascimento
    jan 26, 2011 @ 13:29:51

    Bela forma de despertar o interesse alheio.Obrigado

    Responder

  7. Eduardo Mano
    jan 27, 2011 @ 11:24:46

    Abner, muito obrigado pela força. Estes espaços que surgem assim, de presente, são muito especiais, ainda mais quando são espontâneos. 🙂

    Felipe, bom saber que você já conhecia. Espero que tenha curtido o disco novo. 🙂

    Gaby, valeu pelas palavras. Uma coisa que nós, da banda, sempre entendemos, é que não nos encaixamos naquilo que se chama de vendável, vendível, sei lá também. Fazemos exclusivamente aquilo que curtimos como som, e cantamos aquilo que entendemos ser bíblico… e daí que, obviamente, nem todo mundo curte. Mas como já esperávamos por isso, somos bem resolvidos. hehehe

    aLocKa_dPedra, valeu pela sinceridade. 🙂

    rebeca_on1284, o_o_odoido e Sebastian Nascimento, que se interessaram em ouvir: espero que tenham curtido. Mas se não tiverem gostado, tem erro não. 😉

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: